8 Razões para ter um buggy
"Para sumir por algumas horas"

8 Razões para ter um buggy

Esta semana, encontrei uma página muito interessante, com uma entrevista com Bruce Meyers. Infelizmente, não consegui a autorização para fazer a tradução e colocar aqui no Planeta. Mas esta leitura me inspirou a fazer este post sobre as razões para ter um buggy.

Ao colocar a pergunta no Facebook do Planeta, não imaginava que teria tanta resposta. E tentei agregar em tópicos mais aproximados do que o pessoal colocou por lá. Disparado, o fator mais comentado, é de que trata-se de um sonho de criança. E é fácil imaginar o porquê. Crianças adoram buggies, talvez porque ele se pareça com um carro de desenho animado, mas não só isso. Criança sabe que naquele carro, há mais que um simples equipamento de locomoção. É um estilo leve, quase infantil. A noção de que é um barco que anda na terra, uma moto com quatro rodas. Enfim, crianças sorriem quando vêem um buggy. E sorriso de criança é a coisa mais honesta que existe.

Então, decidi colocar os depoimentos na íntegra com fotos dos buggies de cada um. Espero que gostem. E dá para retirar, ampliar, reescrever o que está aqui. Fiquem à vontade. É só colocar ali nos comentários ou mandar uma mensagem para mim pelo Facebook do Planeta.

1. É divertido. Um investimento em felicidade

Essa é a razão fundamental para se ter um buggy, a diversão. Segundo Bruce Meyers, é o carro que mais arranca sorrisos por quilômetro. Em inglês fica melhor: more smiles per mile.

Jorge Schneider Porque nos faz sorrir hehe!! Sensação de liberdade levando família e cachorro. Não seria possível numa moto, por exemplo.

porque nos faz sorrir
"Porque nos faz sorrir!"
Marcio Glielmo Muito simples… Me faz feliz! 🥰
Márcio e seu buggy Emis
"me faz feliz"
Adelino Henrique – Ele resume o prazer de dirigir ao totalmente essencial. Sem frescuras e sem bobagens tecnológicas. Você não entra no buggy, você veste ele! Passear de buggy é não ver a paisagem, é fazer parte dela! Dia com buggy… dia feliz!

Roberto Silva – Ter Buggy não é ter gasto, é investir na felicidade!

Razões para ter um buggy
"investimento na felicidade"

Luis R. Z. Garcia – Paixão desde quando fiz minha primeira viagem ao Ceará no fim de 1990.

Adams Pezão – O buggy me faz feliz!

2. É um “fazedor de amizades”

Ter um buggy pode ser uma atividade individual, passear, fuçar, alterar… mas o melhor de tudo é fazer isso cercado de gente que tem as mesmas manias, os mesmos gostos, a mesma paixão. São os clubes de buggy que proliferam Brasil afora.

O Planeta Buggy gosta de pensar que ajudou muitos destes a se formar, mas eles só existem porque existem buggistas apaixonados, que gostam de trocar ideias, gostam de passeios, trilhas e coisas do gênero. O Planeta montou uma página para divulgar estes clubes que existem. Veja se tem algum na tua cidade ou por perto!

E, falando em trilhas, saiba o que levar, na página Tralhas na Trilha!

Frederico Ribeiro Da Cunha Neto Tenho o meu BB a mais de 20 anos e ele só me dá alegria. Com ele faço muitas amizades por onde passo, seja nas trilhas, nas areias e no dia dia. É só alegria!

Dune Buggy do Frederico
Excelente para fazer amizades
Antonio Claudio Marques Cunha – Não estava procurando mas ele me achou, com sua capotinha azul e branco abandonado na rua mal tratado eu com um apartamento de praia por que não compra-lo e lá se vão 13 anos e 8 meses de pura diversão todos que tem oportunidade perguntam alguma coisa sobre ele até minha mãe que fazia reza para eu vender se rendeu a ele fiz amigos me aliei a novos grupos e pretendo fazer sua terceira reforma esse é um pequeno resumo do porque do meu Trovão Azul
Buggy do Antonio Carlos
"Trovão Azul"

3. É bom para preservar o “carro oficial” da família.

André Lehn – Eu não queria colocar meu carro na praia, aí veio a idéia que se tornou quase uma obsessão na época do projeto. Hoje é passatempo, modo de “sumir” por umas horas, enfim, já até pensei em me desfazer dele por não ter tempo em meio às preocupações da vida, mas acho que vou ficar com ele pra ter uma atividade prazerosa quando me aposentar (e antes também, de preferência…).

Conheça o buggy do André (Chevas) em mais detalhes, na Garagem do Planeta.

Chevas no Cassino
"Para sumir por algumas horas"

4. Sonho de criança! …ou quase – Brinquedo de gente grande

Carlos “Buggyman” – Não posso dizer que era um sonho de criança, pois quando comprei meu buggy sequer sabia que existiam carros como ele. Em 1973, eu estava negociando um DKW Kandango para trabalhar e, ao passar por uma loja de veículos usados, vi aquele carrinho em um canto. Foi paixão à primeira vista. Foi meu único carro por muito tempo e usado para fazer trabalhos de topografia.

Marlon Von Rohrbach – Paixão de criança… meu primeiro carro foi um Buggy Way, no meio dos anos 80, depois tive um Terral e hoje tenho o Emis… e entre todos, uma coisa é comum… a emoção! E olha que moro em Curitiba, dunas só de gelo e praia de chuva… rsrsrsrs, uso estritamente na cidade, o prazer de sair pelas ruas asfaltadas mesmo, não tem dinheiro que pague!!! Prefiro acima de qualquer outro carro, coisa de sangue né?

Emis do Marlon
"O prazer de sair pelas ruas asfaltadas, mesmo"
Roberto CalderanSempre tive vontade de ter um buggy
Sempre tive vontade de ter um carro conversível
Sempre tive vontade de ter um fora de estrada
Roberto Lee Meu sonho de consumo desde criança. Aos 20 anos de idade, tive um Jeep Willys 1954 e curti muito Agora, depois de aposentado, adquiri meu buggy para curtir o resto de meus dias e também por ser uma mecânica barata!
Buggy do Roberto Lee
"Sonho de consumo desde criança!"

Fran Padilha – Era um sonho de criança ter um brinquedo diferente. Cheguei a comprar um mini Buggy quando era menor de idade e vendi para comprar um carro… mas com os anos se passaram e o sonho continuou. Aí surgiu uma oportunidade e acabei realizando um sonho que hoje foi conquistado. Mas tem muitas coisas pra se fazer no brinquedo.

Buggy da Fran
"Sonho concretizado!"

Tiago Barba Souza – Como alguns já falaram, sonho de criança. Desde pequeno vendo buggy no litoral, família da minha mãe já tinha um que era rebocado por um motor home (pelo menos era essa a ideia inicial), cresci gostando da coisa, é desde pequeno mesmo. Mais tarde… “Comprei um buggy porque o médico disse que eu precisava incluir mais fibras no dia a dia… rs”

Bugre II para reforma
"Cresci gostando da coisa!"

Sérgio Augusto Castello Branco Eu passava todos os dias, para trabalhar, na Av Itaoca no fim dos anos 60, quando surgiu a BUGRE. Ficava namorando os buggys!

Razões para ter um buggy = Sérgio Augusto
Buggy desbravador!
Robson Barreto – Tenho porque sempre quis ter um, desde criança.
Razões para ter um buggy - Robson Barreto
Bugre do Robson

Júlio Cesar Gatto – Sonho de criança

Buggy do Julio Gatto
Júlio: "Sonho do Criança"

Lucas Eduardo César – Brinquedo conversivel, moto de quatro rodas kkkkkk

Buggy Glaspac - Lucas Eduardo César
Em reforma

Dinho Pinto – Brinquedo de gente grande – meu primeiro buggy foi o modelo IV da Bugre, comprado aqui na fábrica perto de casa. Ficamos com ele na família de 89 ate 94. Era jovem e sentia no fundo que aquilo ia me fazer falta um dia. Hoje, morando mais próximo à praia, veio a oportunidade de curtir um Coyote. É como eu disse nos comentários lá no post, é um brinquedo de gente grande. Antes eu era jovem e não trocava os parafusos por inox, exemplo… Rs

Buggy Coyote - Dinho Pinho
Buggy Coyote

5. Precisa explicar as razões para ter um buggy?

Fabio Terlizzi – Não tento explicar porque eu gosto de Buggy. Para os que não compreendem, nenhuma explicação é possível, para os que compreendem nenhuma explicação é preciso…

Rodrigo Santon – Tive um Buggy Bugre quando era bem mais novo. Dei ele de aniversário para o meu irmão, quando ele completou 18 anos e ele trocou num Corsa Wind. Desde então estava a procura de outro para curtir com minha filha e esposa. Agora consegui comprar esse há cinco meses e está ficando do jeito que eu gosto. Esse não sai mais da minha mão! vlw

Buggy do Rodrigo Santon
"Não sai mais da minha mão!"

Pepeu Bia – Fibra no sangue!

Buggy BRM do Pepeu
"Fibra no sangue!"

6. É uma moto de quatro rodas! Sensação de liberdade.

Jose Roniel – Sensação de liberdade, sempre gostei de moto, mas a família aumentou e o Buggy foi a melhor opção.

Buggy BRM do Roniel
"Moto de quatro rodas"

Diógenes Pontes – Sensação de liberdade e um carro bom de areia.

7. Pela liberdade

Muitos acabam se apaixonando pelo buggy por conta da facilidade da mecânica do Fusca. Aliás, o Planeta Buggy sempre tenta mostrar coisas que podem ser feitas na própria garagem de casa, como nesta página, sobre manutenção e outras coisinhas.

Ricardo MB – Por ter a inesquecível mecânica fusca. Por ser de fibra de vidro. Pela liberdade que traz. Por ser diferente. Porque buggy é tudo de bom

Ricardo em seu buggy
"Buggy é tudo de bom!"

Jairo Person – Desde pequeno gosto de carros. O buggy é um carro que posso mexer bastante. Tem pouca coisa “original”.

Buggy do Jairo
"Pouca coisa original neste buggy!"

Julio Nagib Jr. – Tem gente q compra carro para aparecer eu tenho um buggy para sumir!!!

Razões para ter um buggy - para "sumir"!
"Para sumir!"

8. Divertido, até profissionalmente

Christian Leite Yamamoto – Sonhava em me formar em turismo e acabei entrando no ramo que amo através do buggyturismo Hoje tenho quatro e, além de ser meu ganha pao, é minha paixão! A mistura de amor e trabalho!

Buggy do Chrstian
Prazer e trabalho

2
Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
2 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
ChevasRoberto Lee Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Roberto Lee
Membro
Roberto Lee

Parabéns por esta postagem! Cada dia que passa, faço novos amigos e isto me traz muita alegria! “Juntos somos mais fortes” #RLee2019 🙂

Chevas
Editor
Chevas

Bah! Não tinha visto esta postagem, muito boa. Resume bem o mundo buguista. Muito legal. E fiquei até surpreso e meio comovido de ter aparecido. Valeu e parabéns, Carlão!
[] ‘s