Acoplamento de Direção
Acoplamento da direção (bolacha)

Acoplamento de Direção

Acoplamento de Direção – o que é

O acoplamento de direção dos fuscas mais antigos é diferente nos fuscas mais novos, mas a grande maioria dos buggies ainda utiliza este sistema. Então o Planeta vai conversar sobre isso, mostrando o que, provavelmente, a maioria dos buggistas conhece muito melhor que o webmaster!

No sistema de direção do Fusca, que é extremamente simples e eficiente, existe um acoplamento entre a coluna da direção e a caixa da direção. Este acoplamento se faz necessário, pois a caixa é montada estaticamente e não se move (não deve se mover), já que está presa ao quadro da suspensão.

Já a coluna, pode sofrer algum tipo de movimentação, seja pela flexibilidade do chassi, seja porque é quase impossível manter um alinhamento perfeito da coluna em relação à caixa, principalmente em um buggy.

Para resolver esta questão, exite uma peça de acoplamento, originalmente de borracha, que absorve estas diferenças de alinhamento. O acoplamento que o Planeta vai mostrar, neste post, é o dos fuscas mais antigos, até 1976. Nos mais recentes e também na Brasília, existe um sistema de segurança passiva que absorve alguma batida frontal, fazendo com que a coluna de direção se parta, não permitindo sua projeção para dentro do carro.

Mas como este é o sistema dos buggies mais antigos, que são a maioria? Vamos a ele.

A imagem abaixo (do catálogo da Empi) mostra o acoplador dos Fuscas até 1976, feito em PU, que é mais resistente (e mais duro) que a borracha original.

Em muitos locais, vais achar o acoplamento de direção feitos com pneu de trator ou caminhão ou até mesmo com pedaços de esteira de borracha. Funcionam. Mas podem ter sido feitos “à martelo” e não serem tão resistentes como parecem. E estes da Empi são mais bonitos.

O Planeta já leu que esta “bolacha” de PU deixaria a direção mais dura. Não procede, já que ele tem a flexibilidade necessária de promover o acoplamento e não vai causar nenhuma alteração na sensibilidade da direção. Não vai ficar mais dura nem mais macia. Simplesmente vai ficar funcional.

Acoplamento de direção - Empi
Acoplamento da direção (bolacha)

Quais os cuidados ANTES de começar o trabalho

Antes de mais nada, é preciso ter consciência que este é um sistema de segurança e que deve ser tratado com muito cuidado.

No sistema original do Fusca, são usados parafusos especiais e porcas castelo para que se possa travá-los e impedir sua soltura. Então, se vai ser mantido o sistema original, já compre os pinos que travam estes castelos, pois não se deve aproveitar os velhos.

No kit da Empi, são fornecidos parafusos com porcas autotravantes, que dispensam o uso de pinos de segurança. Também as porcas autotravantes não devem ser reaproveitadas.

Claro que você pode comprar parafusos de aço com as respectivas porcas autotravantes e trocá-los quando colocar o acoplamento de direção original, de borracha. Mas nunca deixe de usar um dos sistemas de trava e segurança.

Desmontando o sistema

Normalmente, é mais simples retirando o tanque de combustível para ter acesso às partes que serão trocadas. Pode ser um pouco complicado em um buggy mais antigo, como os Glaspac, que não tem como tirar o tanque facilmente. Nestes, o melhor é retirar a roda dianteira esquerda e acessar o acoplamento pela lateral. Não esqueça de colocar o buggy sobre cavaletes (preguiças) e não confiar somente no macaco.

Ao desmontar, manter o volante na posição centralizada é interessante, para não ter problemas de alinhamento do mesmo ao final do trabalho. Esticadores de bagagem podem ser úteis para isso. Ou um(a) parceiro(a) pode ajudar segurando o volante.

Duas chaves de boca ou estrela 14mm fazem o serviço. Não esqueça de retirar as cupilhas (traves) antes de retirar as porcas! E de dar um jatinho de WD40 nos parafusos, antes de começar a desmontagem.

Remontando o acoplamento de direção

Para concluir este trabalho bem simples, é só refazer o mesmo caminho da desmontagem, com os devidos cuidados:

  • Coloque o acoplador sem esquecer das buchas metálicas que ficam junto com os parafusos, para evitar deformar a peça ao apertá-los.
  • Aperte os parafusos sem exagero, colocando as cupilhas ou utilizando porcas autotravantes metálicas (não as com bucha de nylon). Não esqueça as arruelas de apoio.
  • Ligue o fio terra da buzina. Preste atenção à ligação, que deve estar aterrada na parte que fica presa à caixa de direção e não à coluna.
  • Verifique o estado dos parafusos e braçadeiras que prendem a peça do acoplador à coluna e ao eixo da caixa de direção.
  • Verifique se o volante não ficou fora de alinhamento.
  • Se necessário, ajuste a caixa de direção. Mas antes de fazê-lo, veja se a folga não está nas ponteiras de direção, ou se o amortecedor de direção não está pifado.
Quer saber um pouco mais? Tem um video do Tonela (sempre tem!) que mostra este acoplamento e como fazer a troca. Melhor que este texto confuso aí de cima. Clica aqui e vai direto nos 14:10 do vídeo.
Saiba mais sobre a mecânica de fuscas e buggies, na página do Planeta sobre manutenção e mecânica!

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments

[…] Acoplamento de Direção […]