BUGRE
UM CLÁSSICO CARIOCA

atualizado em 05/11/2009

Esta página não tem ligação com o fabricante deste veículo

Indústria Carrocerias Bugre Ltda.
RJ-124 (Via Lagos) Km 02, nº203 - Rio Bonito - RJ
Tel 21-27342002
email:bugrerj@ig.com.br

No Estado do Rio de Janeiro, ainda funciona a fábrica do BUGRE, uma das mais antigas do Brasil, tendo construído seu primeiro modelo em 1970, quando produziu e vendeu 170 unidades. Inovou, na época, no corte e solda da plataforma do fusca, com um corte em "V", para proporcionar uma área de solda maior e, conseqüentemente, mais robustez ao conjunto. Em seguida, fabricou um modelo que era quase um carro esporte, o Bugre SS. Como todo bom "fora de série" nacional, abusava na reutilização de peças de outros veículos: os faróis eram de Variant e as sinaleiras traseiras, do ônibus Mercedes.

Recentemente, fez uma nova versão de seu buggy e mudou de endereço. Segundo o Paulo Cavalcante, depois de mais de 36 anos no mesmo local, mudou-se para um ponto mais próximo de seus principais clientes, na Região dos Lagos, há mais ou menos dois anos. No endereço antigo, há uma empresa revendedora de buggies e o pessoal acaba confundindo e pensando tratar-se da própria Bugre.

O Paulo também mandou para nós, as primeiras fotos de seu mais recente modelo, o Bugre VII. Ainda não estão no site deles, portanto o Planeta está mostrando, em primeira mão!

Em Agosto de 2003, o Rodrigo mandou algumas fotos tiradas na loja da Bugre, no Rio de Janeiro:
 
 

 

Vejam os Bugres que estão no Planeta:

 

 

Este é o Bugre do França. É um modelo dos antigos, mas ainda fabricado sob o nome de Bugre IV. Este buggy é muito bonito, com o detalhe da capota totalmente transparente. O França é um capoteiro, especializado em buggies, daí.
O Bugre do André, é um modelo IV 2002. Praticamente o mesmo modelo fabricado há quase 30 anos! um clássico de verdade, com plataforma de fusca, sem capô, faróis salientes e tudo o mais!!!
O Bugre do Eduardo Freitas, é um modelo V, montado em 1992. Tem uma capota bem esportiva, quando o buggy só poderá ser utilizado por duas pessoas. Não vai dar carona para a sogra...
O M150 foi lançado em novembro de 1972 e a sigla homenageava o Sesquicentenário da Proclamação da Independência do Brasil. O carro era montado sobre plataforma encurtada de fusca. Este aí ao lado, pertence ao Nilton Renó. Encontre mais detalhes deste buggy, neste link.
O Bugre do Vagner é um modelo dos clássicos de 1975. Com algumas modificações estéticas...
Este é o Bugre do Rodrigo. Ainda faltam detalhes a saber sobre este carro, que conserva o estilo da década de 70, até nas rodas...
Este é o Bugre 1971, do Arthur Neto - o Peidão, cujo apelido deve-se, segundo o Arthur, aos barulhos flatulentos que emite! Agora, depois de uma boa reforma (veja as novas fotos na página dele), chama-se "Flatus" - mais nobre, não???
O Bugre V, do Rodrigo/RJ, é um dos modelos mais recentes. Boas fotos, tiradas em Cabo Frio, em boa companhia!!! Em agosto, uma atualização desta página, colocou novas fotos do Bugre, no Passeio do Rio.
Beleza de modelo IV! pertence ao Luiz Antônio, que fez uma grande reforma neste Bugre. Confira, clicando na foto...
   
Um exagero de pneus neste Bugre! 225 na dianteira e 255 na traseira!!!
   
Mais um Bugre, incrito na galeria do Planeta! este pertence ao Felipe, de Macaé/RJ. Restaurado e com painel de moto...
   
Um Bugre dos modelos antigos. Recentemente comprado pelo Luciano, de Caxias do Sul.
Buggy Bugre do Luciano/RS
   
Henrique Cardoso e seu Bugre Vermelho, de São Paulo.
   
Bugre 2000, novinho! Pertence ao Gershen, de São João da Barra/RJ
Um Bugre V de respeito! pertence ao André Araujo, de Campo Grande. Reparem nos imensos pneus traseiros!
   
Este é o Bugre do Alexandre, do Espírito Santo. Belas imagens de uma bela região!
   
Um Bugre V 1994, muito bem restaurado! Está na região de São Pedro/RJ. Novas fotos deste buggy, na praia, foram acrescentadas ao site em fev/2007
   
Saldo da destruição! Este buggy estava em um ferro velho, pronto para ser "reciclado". No Paraná, um jipeiro arrematou e está preparando (ou já preparou, pois demoramos demais a colocar no site) sua restauração.
   
Um Bugre paulista, encontrado quase original pelo Daniel. Uma reforma para trazê-lo ao espírito original e temos mais um belíssimo clássico no Planeta!
   
Bugre do Danilo, com quase três anos de atraso para entrar no Planeta!!!! Estas fotos estavam, realmente, perdidas no hd do "webmaster"...
   
Um Bugre renovado. De um antigo buggy, o Jorge trocou a carroceria por um moderno Bugre V, na própria fábrica. Esta é uma das vantagens do buggy. Quando poderíamos ir na VW para trocar a carroceria de nosso velho Gol?

Vai pra a página dos Clássicos
O uso deste site e seu conteúdo subentende o conhecimento das "Políticas de Uso"
Apoiando buggueiros desde 1999 - by planetabuggy